Marcenaria de Cultura

São as idéias que movem o mundo

Férias

OFICINA DE FÉRIAS

Para atuar em teatro musical é essencial que o ator também tenha desenvolvida as habilidades como cantor e/ou bailarino, entretanto por muitos anos vimos a interpretação ser o último dos critérios de análise nas audições, mas com o aumento das produções surgiram profissionais cada vez mais preparados vocalmente ou com base mais sólida em dança (balé, jazz, sapateado, contemporâneo, etc…) e a interpretação voltou a ser o ponto determinante em um processo de seleção de elenco.

Visando o aperfeiçoamento dos atores a Marcenaria de Cultura apresenta  uma Oficina para Teatro Musical diferente de tudo que é oferecido atualmente pelos centros de estudos do país. Uma oficina focada em auxiliar os atores em desenvolverem as suas habilidades interpretativas.

A oficina não tem foco na criação de um espetáculo ou apresentação de fim de curso, o nosso objetivo é oferecer ensinamentos e agregar conhecimentos. E para atingir os nossos objetivos unimos uma equipe com 05 dos melhores professores de São Paulo que vão auxiliá-lo a refinar as suas habilidades e torná-lo um ator completo.

MATÉRIAS e PROFESSORES

TÉCNICA VOCAL

“A Técnica refina, protege e liberta”. (Andréia Vitfer)

Durante o curso o aluno exercitará a pesquisa e análise técnica. Vivenciará um treinamento constante de exercícios voltados para o seu aprimoramento vocal. Além, de performatizar canções pré-estabelecidas e selecionadas desde os clássicos da Broadway até as tendências estilísticas mais atuais do Teatro Musical.

ANDREIA VITFER

Deia

É Bacharel em Canto Lírico e Especialista em Performance Vocal pela UFG. Também é Atriz, Cantora, Pianista e Vocal Coach. Atualmente integra o elenco do musical A FAMILIA ADDAMS, também é Preparadora Vocal da peça CARTAS A OFÉLIA, Protagonista e Preparadora Vocal das Vozes Infantis do Musical LUA CHEIA & GALO SOCORRO. Entre seus principais trabalhos como atriz destacam-se: MAMMA MIA (Cover de Rose), CATS (JennyAny Dots/Gumbie), A BELA E A FERA (cover D. Cômoda e Sra. Potts), MY FAIR LADY (Ensemble), O FANTASMA DA ÓPERA (Madame Firmin), CARDIFF (Morte) e O SOAR DA LIBERDADE um musical de sua própria autoria. É professora de canto da Casa de Artes OperÁria desde 2006 onde assumiu a função de Diretora Musical e Vocal, Arranjadora e Versionista em vários espetáculos. É Vocal Coach de diversos artistas do mercado da música Pop, Gospel, R&B, Sertanejo, Rock e do mercado do Teatro Musical e Erudito. É especialista em Voz Infantil e Juvenil tendo uma parceria de confiança há anos com a fonoaudióloga Dra. Silvia Pinho – INVOZ.

HISTORIA DO TEATRO MUSICAL

Será apresentado a Historia do Teatro Musical, as suas origens, as primeiras peças com música, o império do teatro ligeiro (operetas, paródias, mágicas e burletas), o teatro de revista, os shows dos cassinos e boates, os musicais brasileiro (Arena, Opinião e Chico Buarque), a adoção  da Comédia Musical nos moldes norte-americanos e ingleses, caminhos e possibilidades do Teatro Musical no Brasil.

JAMIL DIAS

Bacharel em Direção Teatral pela Escola de Comunicação e Artes da USP, Pós Graduado em Educação, pela Faculdade de Educação da USP, com mestrado em Artes – Teatro pela USP, doutorado em Direção Teatral e Pós- Doutorado em Teatro Musical Brasileiro pela ECA/USP.

Foi aluno de Klauss Vianna, Maria Duschenes, Maria José de Carvalho, Martin Esslin, Myriam Muniz, José Possi Neto, Glorinha BeuttenMuller e J. C. Viola, entre outros.

É professor de interpretação, montagem teatral e Historia do teatro. Realizou mais de 30 montagens com autor ou diretor.

IMPROVISAÇÃO CÊNICA

Jogos teatrais, experimentação cênica, exercícios cênicos são alguns dos itens que integraram a improvisação cênica que tem como premissa oferecer ao participante a oportunidade de aumentar a sua partitura de movimentos e auxiliá-lo na busca de novos caminhos na construção de personagens.

Usando como experiência alguns dos exercícios propostos por Viola Spolin.

JONATHAS JOBA

Um dos mais respeitados atores de teatro musical do país. Conhecido por suas interpretações arrebatadoras nos musicais: A Bela e a Fera ( Din Don) , Chicago (Amos Hart).

Atuou também nos musicais Avenida Q, Os Produtores, entre outros. Atualmente integra o elenco do sucesso teatral Trair e coçar é só começar, de Marcos Caruso.

INTERPRETAÇÃO DA CANÇÃO

A oficina visa o desenvolvimento de técnica especializada em inserir o ator/cantor no total aproveitamento da canção para teatro musical, executando com êxito a função de contribuir e adiantar a ação da história e aprofundar a personalidade de seus personagens, através de subtexto, ação física e emocional, paráfrase, dinâmicas, movimento e particularização.

Unindo a colaboração e estudos de profissionais como Tracey Moore, Elaine Petricoff-Cohen, Jay Dias e Jeffrey Dunn, Beatriz Lucci trouxe para o Brasil uma técnica inédita, adaptada para a personalidade e a forma de trabalho do ator brasileiro. A técnica é baseada nos estudos do teatrólogo Constantin Stanislavski e sua abordagem vai além, incluindo técnicas de Antonin Artaud, Bertold Brecht, Augusto Boal, além de exercícios propostos por Lee Strasberg, Stella Adler e Sanford Meisner.

BEATRIZ LUCCI

Atriz, cantora, arte educadora e colunista do site Mr. Zieg. Formada em Artes Cênicas pela Escola Maestro Fêgo Camargo (Taubaté-SP) e CAL (Rio de Janeiro) e em Musical Theater pela The American Musical and Dramatic Academy (AMDA) em New York. Em NY, seus créditos incluem: “A Change In The Air”, “West Side Story”, “Falsettos”, “I Am Not Stupid”, “The Women” e “Jekyll & Hyde Pub Cast”. No Brasil, esteve nas produções de: “Ensaio Modernista”, “A Lira dos Vinte Anos”, “A Casa de Bernarda Alba”, “Eu Sei Que Vou Te Amar”, “As Criadas”, “La Ronde”, “As Bruxas de Salém”, “A Mulher Sem Pecado”, “Sabor A Mi”, “Evita”, “Tribobó-City”, etc. Recentemente pôde ser vista nos musicais “As Bruxas de Eastwick” e “Um Violinista no Telhado”, ambos com direção de Charles Möeller e Cláudio Botelho; e “New York, New York” com direção de José Possi Neto e direção musical de Marconi Araújo.

O PERFORMER CRIADOR 

DANIEL SALVE

Nascido em São Paulo, Daniel Salve iniciou sua carreira profissional como ator e cantor ainda na adolescência. Teve marcante atuação como performer, preparador vocal, diretor musical e diretor em diversas produções teatrais e musicais.

Seus principais trabalhos em teatro incluem “RENT” (Mark Cohen), “POCKET BROADWAY” (Solista/Diretor Musical), “CAZAS DE CAZUZA” (Arranjos e direção musical) e “MODERNIDADE” (Direção Vocal/Musical), sendo que os dois últimos também se transformaram em obras fonográficas produzidas e distrubuídas pela SOM LIVRE; Foi preparador vocal na montagem de “A LUTA SECRETA DE MARIA DA ENCARNAÇÃO”, de Gianfrancesco Guarnieri, com músicas de Renato Teixeira; Trabalhou junto à Walt Disney Company como diretor e produtor artístico/musical de 2005 a 2010, nos espetáculos “100 ANOS DE MAGIA”, “UM SONHO É UM DESEJO”, “LION KING FESTIVAL”, “TARZAN, QUEST FOR ADVENTURE”, dentre outros; Em 2009 lançou o disco autoral “PSYCHOTROPIC”;

Dirige o CÍRCULO TEATRO, uma companhia flutuante que visa desenvolver obras originais e pesquisar a linguagem em teatro musical/musicado, tendo como objetivo buscar identidade própria. Escreveu e compôs os musicais “A FLECHA E O CORAÇÃO”, uma adaptação contemporânea para o mito de EROS E PSIQUÉ e “PONTO DE BALA! – um teatrinho apolítico e apocalíptico“, que teve pré estreia Nacional no THEATRO SÃO PEDRO, em São Paulo, em outubro de 2012.

DURAÇÃO

A oficina teve duração de 04 semanas, sendo realizada de 14 de janeiro de 2013 à 08 de fevereiro de 2013.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s